Após transferência frustrada do filho, Jamil Name é levado para Mossoró - CANAL MS

LEIA TAMBÉM

Campo Grande (MS),

Post Top Ad

quarta-feira, 30 de outubro de 2019

Após transferência frustrada do filho, Jamil Name é levado para Mossoró



Depois da transferência do filho ser frustrada ontem, na madrugada desta quarta-feira (30) foi levado para o Presídio Federal de Mossoró (RN) o empresário Jamil Name, apontado com chefe de milicia responsável por série de assassinatos em Mato Grosso do Sul. 
Preso pela Operação Omertà desde o dia 27 de setembro, ele estava na unidade do Depen (Departamento Penitenciário Nacional) em Campo Grande. A transferência foi confirmada por integrantes da força-tarefa responsável pela investigação.
Na madrugada de ontem, Jamil Name Filho também seria levado para Mossoró, mas atraso em voo comercial atrapalhou os planos. A Polícia Federal considerou arriscado continuar com a operação de transferência e Jamilsinho voltou para a unidade federal de Campo Grande. A nova data não será divulgada, como é praxe, por questões de segurança.
Os pedidos de inclusão de alguns dos presos da Omertà no sistema carcerário federal foram feitos pela Garras (Delegacia de Repressão a Roubo a Banco, Assaltos e Sequestros) e também pelo Gaeco (Grupo de Atuação Especial e Combate ao Crime Organizado), que se uniram em força-tarefa que acusa pai e filho de chefiaram milícia armada em Campo Grande.

A defesa ainda tentava converter a prisão preventiva em domiciliar, sob justificativa de estado de saúde debilitado de Jamil Name. Mas 4 pedidos de liberdade já foram negados pela Justiça.