Bandidos armados com pistolas rendem sete pessoas durante roubo em casa de carnes em MS - CANAL MS

LEIA TAMBÉM

Campo Grande (MS),

Post Top Ad

segunda-feira, 28 de outubro de 2019

Bandidos armados com pistolas rendem sete pessoas durante roubo em casa de carnes em MS

Onda de assaltos e falta de segurança estão deixando os comerciantes de várias regiões de Campo Grande com medo de continuar com o comércio. Isso porque a cada dia que passa quadrilhas estão inovando nos assaltos e a falta de segurança deixa comerciantes e empresários sem opções. Exemplo disso foi a série de assaltos ocorridos em várias regiões durante o fim de semana.

Cerca de 14 roubos com arma de fogo ocorreram em Campo Grande entre sexta-feira à domingo conforme registro das Delegacias de Pronto Atendimento Comunitário. Essa média só aumenta a cada mês que passa. Dados da Sejusp apontam que de janeiro à setembro o total de 3.540 ocorrências de roubo foram registradas apenas em Campo Grande. Em todo o Estado, o número de casos aumenta para 5.733 casos confirmados onde as vítimas registraram boletim de ocorrência.
Na sexta-feira (25), em um açougue da Avenida das Bandeiras, na Vila Carvalho, três bandidos armados renderam ao menos 10 pessoas do lado de fora do estabelecimento e toda a ação dos criminosos foi registrada por câmeras de segurança (veja o vídeo no final).
Nas imagens cedidas ao Correio do Estado é possível ver os criminosos se aproximando do local já com a arma apontada para as vítimas. Em seguida, os bandidos vestidos com roupas xadrez e chapéus de palha entraram no estabelecimento e levaram todas as vítimas para dentro aos empurrões enquanto um dos comparsas de roupa preta cuidava o movimento.
Em entrevista a reportagem funcionário do açougue, 60 anos, que não quis ser identificado escapou por pouco. "Eu estava no fundo temperando uma carne para o pessoal que estava lá na frente, eu percebi a movimentação estranha e ouvi gritando assalto, dei a volta por trás e subi no andar de cima para tentar ver alguma coisa que identificasse os bandidos ou até mesmo o carro", disse.
Outra funcionária, de 19 anos, que também não quis ter o nome revelado, também escapou do acontecido. "Era por volta das 20h20 eu sai para ficar ali do lado e não vi a movimentação, mas quando voltei para pegar algo os bandidos já tinham ido embora e o pessoal aqui que é amigo da loja estavam abalados, principalmente uma das meninas que está grávida, precisaram levar ela no hospital depois", contou a funcionária.
Ainda de acordo com relato dos trabalhadores, os bandidos levaram as carteiras dos clientes e o dinheiro do caixa. Para resguardar a segurança eles não quiseram informar o quanto foi levado. Para os funcionários, o trio era bastante experiente o que deu a entender que a quadrilha veio de fora do Estado.
INSEGURANÇA Comerciantes que estão na Avenida das Bandeiras reclamaram da falta de segurança e vários comércios ali já foram inumeras vezes assaltados. Sem se identificar proprietária de uma lanchonete na região disse que é frequente durante a noite muitos usuários de drogas e pontos de prostituição. "Aqui acaba o movimento a noite a gente já fecha porque a insegurança está grande, aqui já entraram uma vez pelo telhado, ultimamente carro parecido com o que está sendo divulgado na reportagem está rondando direto por aqui", contou.
Outro caso violento ocorreu no dia seguinte sábado (26) em um mercado de utilidades no Jardim Inápolis. A ação flagrada por câmeras mostram os assaltantes ameaçando funcionárias e clientes todos armados. Nas imagens é possível ver um dos suspeitos, de camisa camuflada e boné preto, obrigar as caixas a colocarem todo o dinheiro em uma sacola plástica. Enquanto os outros, um de boné vermelho e camisa xadrez e outro com camiseta azul e boné preto também armados ficaram com os reféns.
Informações de testemunhas são que depois de roubarem o dinheiro do mercado os suspeitos fugiram e ainda na frente do estabelecimento, um dos assaltantes atirou para cima. Uma cápsula de calibre 9mm foi recolhida no local e entregue à polícia, segundo ocorrência registrada pelo proprietário do mercado.
Testemunhas relataram ainda em ocorrência que após sair do mercado, os três bandidos fugiram em um Polo Sedan preto. Há informações que o quarto suspeito envolvido aguardava os comparsas dentro do carro.
Ambos os casos acima quanto os outros 12 registrados durante o fim de semana estão sendo investigados pela Polícia Civil que está em diligências em buscas pelos suspeitos.