Com nova lista, CMDCA chama conselheiros para escolher local de trabalho - CANAL MS

LEIA TAMBÉM

Campo Grande (MS),

Post Top Ad

sexta-feira, 13 de dezembro de 2019

Com nova lista, CMDCA chama conselheiros para escolher local de trabalho

Com a volta de candidato que havia sido excluído da relação de 25 eleitos para atuar como conselheiro tutelar de 2020 a 2023, o CMDCA (Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente) divulgou mais uma vez no Diário Oficial de Campo Grande o resultado da eleição. Marcelo Marques de Castro, 13º mais votado – recebeu 384 dos mais de 20 mil votos – volta e a primeira suplente, Luciane Consoli Saad, deixa de integrar a relação.
Marcelo já era conselheiro lotado no 1º Conselho Tutelar Região Sul e respondeu a procedimento interno por fato ocorrido em 2016. Ele foi responsabilizado pelo Conselho de Ética por enviar criança para abrigo, acolhimento considerado inadequado.
Diante da falta, a exclusão dele foi oficializada no dia 25 de outubro. O candidato, contudo, ganhou na Justiça o direito de assumir o cargo.
Também no Diário Oficial de hoje, o CMDCA também publicou a desclassificação de candidata que estava entre os 50 suplentes, a relação de arquivamento de pedidos de impugnação contra oito candidatos e a convocação dos 25 eleitos para que escolham o local de trabalho.
Os titulares deve comparecer no dia 17 de dezembro de 2019 às 8h30 na sede do CMDCA, localizada na rua de Hélio Castro Maia, 279, Jardim Paulista.
Eleições foram marcadas por denúncias e posse ocorre dia 10 de janeiro (Foto:  Marina Pacheco/Arquivo)