Suspeito de executar jovem com 13 tiros de 9 mm é preso em operação - CANAL MS

LEIA TAMBÉM

Campo Grande (MS),

Post Top Ad

quinta-feira, 23 de janeiro de 2020

Suspeito de executar jovem com 13 tiros de 9 mm é preso em operação

Suspeito de matar funcionário de uma vidraçaria com 13 tiros de pistola 9 milímetros, Willian Rene Cristaldo, de 31 anos, foi preso na tarde dessa quarta-feira (23) em Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia vizinha de Ponta Porã (MS), a 323 km de Campo Grand. O crime aconteceu no dia 2 de janeiro e foi filmado por câmeras de segurança.As imagens mostram Roger Miguel Olmedo Duarte, de 21 anos, em frente à Frontera Vidros, no bairro San Antonio. Enquanto outro funcionário fechava o portão, o pistoleiro usando capacete se aproxima e atira várias vezes em Roger, na frente da testemunha, que corre para dentro do pátio.
A vítima ainda tentou correr, mas caiu na calçada. O bandido deixou a moto no chão, se aproximou e disparou mais tiros a curta distância. Roger Duarte foi a segunda vítima da violência na fronteira em 2020. No primeiro dia do ano, o brasileiro Ramão Celino Benítez Agüero, 68, foi morto com golpes na cabeça, na zona rural de Pedro Juan Caballero.
Willian foi identificado, segundo o site Porã News, por apurações da Divisão de Investigações Criminais de Casos Puníveis coordenadas pelo comissário (que atua como os delegados no Brasil), Feliciano Martinez. Na tarde de ontem, ele foi preso durante uma operação na região do Bairro Guarani, em Pedro Juan.
Também conforme apurou o Porã News, a polícia não divulgou o motivo do assassinato, mas ao que tudo indica se trata de crime passional.