Auxílio federal injetará perto de R$ 1,2 bilhão extra na economia de MS - - CANAL MS

LEIA TAMBÉM

Campo Grande (MS),

Post Top Ad

segunda-feira, 8 de junho de 2020

Auxílio federal injetará perto de R$ 1,2 bilhão extra na economia de MS -

O programa de auxílio emergencial do Governo federal, criado para socorrer trabalhadores informais, autônomos e desempregados durante a pandemia do novo coronavírus, vai destinar R$ 1,188 bilhão a 626 mil pessoas em Mato Grosso do Sul. O valor é tão expressivo que se aproxima de uma arrecadação mensal do Estado. - O dinheiro corresponde ao pagamento das três parcelas do benefício, de R$ 600 cada, ou R$ 1.800. Pais que cuidam sozinhos dos filhos e mães chefes de família estão recebendo o valor em dobro, R$ 1.200, ou R$ 3.600 referentes às três cotas. - Para 592 mil trabalhadores, o valor total dos benefícios atingirá a expressiva quantia de R$ 1,067 bilhão. Já para os grupos especiais, onde estão mais de 33 mil trabalhadores, o volume de recursos federais totalizará R$ 121,7 milhões ao final do pagamento das três parcelas.

Governo e Congresso não descartam a possibilidade de aumentar o número de pagamentos, caso fique constatada a necessidade manter a atividade econômica funcionando com restrição.

Em todo o país, o auxílio está beneficiando mais de 58 milhões de pessoas. Os Estados das regiões Norte e Nordeste são os mais dependentes da ajuda federal.

Já os três Estados da região Sul – Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná – além do Distrito Federal, São Paulo e Mato Grosso do Sul são os que menos vão utilizar o benefício em relação ao número de habitantes. -