Deputado Cabo Almi quer suspensão temporária de decreto para socorrer os trabalhadores da pesca - CANAL MS

LEIA TAMBÉM

Campo Grande (MS),

Post Top Ad

terça-feira, 9 de junho de 2020

Deputado Cabo Almi quer suspensão temporária de decreto para socorrer os trabalhadores da pesca

O deputado Cabo Almi (PT), tem feito reiteradamente e insistentemente gestão, junto ao governo do estado para convencer os atores envolvidos com o decreto estadual nº 15.166 de 21 de fevereiro de 2019, que ficou conhecido por “Cota Zero” para a pesca nos rios de Mato Grosso do Sul, para suspender os seus efeitos nele contido, neste período de pandemia do coronavírus – Covid-19, para de forma emergencial, socorrer em parte, aos que vivem inseridos na cadeia produtiva da pesca, haja vista, ser esta atividade o único meio de sobrevivência dos pescadores e de suas familiares. 

Em apoio as famílias de pescadores, as Câmaras municipais do interior têm se manifestado a respeito e apoiado o pedido para suspensão dos efeitos do decreto. Nesse momento de pandemia é importante que se reconheça a situação dos municípios envolvidos e atingidos pela calamidade. A suspensão dos efeitos do decreto é medida social que se impõe nesta oportunidade. O requerimento foi apresentado na sessão plenária virtual desta terça feira, 9 de junho. 

Cabo Almi acredita que está passando da hora para os gestores do Estado estenderem as ações necessárias em socorro dos que vivem exclusivamente da pesca nos rios do Mato Grosso do Sul. Essas famílias não podem ser ignoradas pelas autoridades, como se nada de muito sério não estivesse acontecendo em época de pandemia. 

Estou requerendo junto a mesa da Assembleia Legislativa e apelando mais uma vez pelo bom senso do governador Reinaldo Azambuja para que se pronuncie e atenda esse pleito que não é só meu, é de todos que de certa forma tem o espirito humanitário e solidário com quem muito precisa viver com dignidade, concluiu o parlamentar.

ASSECOM