Dupla leva carro de motorista de aplicativo, rouba farmácia e só para no poste - - CANAL MS

LEIA TAMBÉM

Campo Grande (MS),

Post Top Ad

sábado, 13 de junho de 2020

Dupla leva carro de motorista de aplicativo, rouba farmácia e só para no poste -

Dupla foi presa em flagrante na noite de ontem (12), no Parque do Sol, região sul de Campo Grande, após perseguição policial. Os dois eram monitorados depois de roubar carro de motorista de aplicativo e assaltar farmácia.

 Identificados pela polícia como Anderson Serra Martins, 34 anos, e Ana Flávia, 54, a dupla começou a empreitada criminosa no cruzamento da Rua 14 de Julho com a Avenida Fernando Corrêa da Costa, onde roubou o Nissan March do motorista de aplicativo. O dono do carro tentou reagir ao assalto e foi agredido a coronhadas. Ao fugir no veículo, Martins e Ana Flávia ainda atropelaram o motorista.

A dupla foi até a região do trevo Imbirussu, oeste da Capital, onde assaltou uma farmácia e levou aproximadamente R$ 200. Um funcionário da drogaria também levou coronhadas na cabeça.

Martins e Ana Flávia entraram no Jardim Tarumã, ainda na região oeste, onde usaram o dinheiro roubado para comprar porção de cocaína.

Àquela altura, a polícia já havia sido acionada pelo motorista de aplicativo roubado e monitorava o deslocamento da dupla pelo rastreador do carro. Os dois foram interceptados novamente na região do trevo Imbirussu, por policiais da 10ª CIPM (Companhia Independente de Polícia Militar), onde começou a perseguição. Grupamento de moto da BPMTran (Batalhão de Polícia Militar de Trânsito) e equipe do bairro Coophavilla deram apoio ao encalço. -A dupla entrou pelo Tarumã, passou o Pênfigo e, na Rua Dário Anhaia Filho, já no Parque do Sol, perdeu o controle da direção e acertou um poste. O impacto deslocou a estrutura e tombou o veículo. - em ferimentos, Ana Flávia e Martins ainda conseguiram sair do carro e tentaram pular o muro de uma casa, mas acabaram detidos pela polícia. A arma usada nos assaltos foi encontrada. Era de brinquedo.

Na delegacia, Anderson Martins disse aos policiais que “vive de assalto” e dorme em hotéis, onde se hospeda com dinheiro dos roubos que pratica. Recém-egresso do sistema prisional, o homem ainda confessou que, quando for solto, vai continuar roubando. A ficha criminal de Martins é extensa, com série de passagens por assalto.

O caso é registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro. -