HOME INTERIOR POLICIAL POLICIAL MILITAR QUE MATOU SERVIÇO PARA IR EM FESTA É NOMEADO NO PRESÍDIO EM QUE ESTÁ PRESO Policial Militar que matou serviço para ir em festa é nomeado no presídio em que está preso - CANAL MS

LEIA TAMBÉM

Campo Grande (MS),

Post Top Ad

quinta-feira, 20 de agosto de 2020

HOME INTERIOR POLICIAL POLICIAL MILITAR QUE MATOU SERVIÇO PARA IR EM FESTA É NOMEADO NO PRESÍDIO EM QUE ESTÁ PRESO Policial Militar que matou serviço para ir em festa é nomeado no presídio em que está preso

Mesmo preso por matar serviço e ir em festa durante a pandemia da covid-19, o oficial da Polícia Militar Nilson Fernandes Sena Júnior, de 43 anos, ganhou novo cargo público no Estado, e desta vez, foi nomeado na Diretoria de Gestão do Presídio Militar Estadual de Campo Grande, onde está detido.

No dia 3 do mês passado, Nilson perdeu o comando do 3° Pelotão de Anaurilândia depois de desacatar e tentar impedir que policiais encerrassem festa em que ele estava na cidade de Bataguassu. Ele foi detido e teve prisão em flagrante convertida em preventiva.

Em portaria publicada nesta quinta-feira (20), documento assinado pelo comandante da PM, coronel Marcos Paulo Gimenez, informa a transferência “por inconveniência da permanência” do militar.

A prisão 

Segundo relato dos policiais que atenderam a denúncia da festa em Bataguassu, o local estava com muita aglomeração e som alto, e ao tentar encerrar o evento, Nilson Fernandes se indispôs e desacatou os colegas.

Os organizadores do evento também foram presos por infração a medida sanitária. Já o oficial foi autuado por crime contra o serviço e dever militar, assim como abandono de posto e outros crimes.

O juiz que converteu a prisão em preventiva citou que neste momento de pandemia a corporação deve fazer a contenção destas festas. 

Fonte: CAMPO GRANDE NEWS
Por: Clayton Neves