Depois de chuva com granizo, Inmet alerta para temporais em 38 cidades de MS As chuvas da primavera normalmente são rápidas, intensas com raios, granizo e ventos fortes - CANAL MS

LEIA TAMBÉM

Campo Grande (MS),

Post Top Ad

terça-feira, 13 de outubro de 2020

Depois de chuva com granizo, Inmet alerta para temporais em 38 cidades de MS As chuvas da primavera normalmente são rápidas, intensas com raios, granizo e ventos fortes

 Depois de forte chuva com granizo na região de Caarapó na tarde de ontem (12), o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) emitiu aviso de tempestade para Campo Grande e outras 37 cidades com previsão de chuva de até 50 mm (milímetros), ventos intensos e queda de granizo. O alerta termina às 20h desta terça-feira. Há risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores e alagamentos.


Em caso de rajadas de vento, não se abrigue debaixo de árvores, pois há risco de queda e descargas elétricas, evitar usar aparelhos eletrônicos ligados à tomada e não estacionar próximo a torres de transmissão e placas de propaganda.


Nesta segunda-feira, forte chuva com ocorrência de granizo surpreendeu quem passava pela rodovia MS-156 na tarde desta segunda-feira (12). O temporal deixou um rastro de destruição na região e pode, inclusive, ter sido a causa de acidente com duas mortes na BR-163. Vídeos recebidos pela reportagem mostraram a intensidade do granizo que atingiu a região, entre Amambai e Caarapó.


Além da Capital, as cidade que devem ficar em alerta são: Anastácio, Antônio João, Aquidauana, Bandeirantes, Bela Vista, Bodoquena, Bonito, Camapuã, Caracol, Corguinho, Corumbá, Coxim, Dois Irmãos do Buriti, Dourados, Figueirão, Guia Lopes da laguna, Itaporã, Jaraguari, Jardim, Ladário, Maracaju, Miranda, Nioaque, Nova Alvorada do Sul, Pedro Gomes, Ponta Porã, Porto Murtinho, Ribas do Rio Pardo, Rio Brilhante, Rio Negro, Rio Verde de Mato Grosso, Rochedo, Sidrolândia, Sonora, São Gabriel do Oeste, Terenos e Alcinópolis.


Conforme o Cemtec (Centro de Monitoramento do Tempo e do Clima de Mato Grosso do Sul), as primeiras chuvas da primavera normalmente são rápidas, intensas com raios, granizo e ventos fortes.