“Era um desejo dele doar os órgãos”, diz irmã de rapaz que morreu em acidente A captação foi feita na madrugada deste sábado (12) por equipes de Brasília - CANAL MS

LEIA TAMBÉM

Campo Grande (MS),

Post Top Ad

sábado, 12 de dezembro de 2020

“Era um desejo dele doar os órgãos”, diz irmã de rapaz que morreu em acidente A captação foi feita na madrugada deste sábado (12) por equipes de Brasília

 Dias após sofrer acidente envolvendo moto e caminhonete em Amambai, Roberth Lima de Souza, 30 anos, morreu no Hospital da Vida em Dourados. A família dele teve a iniciativa de doar seus órgãos. A captação foi feita na madrugada deste sábado (12) por equipes de Brasília. “Era um desejo dele”, disse Silene Lima de Souza, 36 anos, irmã da vítima Conforme o site Amambai Notícias, o acidente aconteceu na manhã da última terça-feira (8) no cruzamento das ruas da República e Antônio Pereira dos Santos. Roberth sofreu vários ferimentos e foi socorrido pelo  Corpo de Bombeiros. Ele foi levado ao Hospital Regional da cidade, mas devido a gravidade foi transferido para o Hospital da Vida, onde foi constatado Traumatismo Craniano Encefálico. A colisão envolveu a motocicleta que a vítima conduzia e uma caminhonete Toyota Hilux.  Posteriormente, o paciente teve morte cerebral. A família decidiu doar os órgãos e está aguardando a liberação do corpo para fazer o velório. "Faremos uma homenagem e levantaremos a bandeira da campanha de doação de órgãos para que outras famílias conheçam essa forma de amor num momento tão triste e frágil", disse Silene. Os órgãos doados, rins e  fígado, foram para Brasília e Campinas (SP).


O acidente - A Polícia Civil ainda trabalha na apuração das circunstâncias do acidente. No dia do fato,  a mulher que dirigia a Hilux disse ao Corpo de Bombeiros que não percebeu a aproximação de Roberth ao entrar na via preferencial. De acordo com a polícia, a mesma condutora já se envolveu em acidente com morte anos atrás numa rodovia. O nome dela não foi divulgado.