Pego em blitz, motorista chama guardas de vagabundos e vai preso "Vagabundo, com salário de passa fome”, disse o condutor ao ser parado em blitz - CANAL MS

LEIA TAMBÉM

Campo Grande (MS),

Post Top Ad

domingo, 18 de abril de 2021

Pego em blitz, motorista chama guardas de vagabundos e vai preso "Vagabundo, com salário de passa fome”, disse o condutor ao ser parado em blitz

 Motorista de 48 anos foi preso após ser flagrado dirigindo sob efeito de álcool, na noite de ontem (17), na Avenida Júlio de Castilho com a Rua Tupinambás, no Jardim Imá, em Campo Grande.


Conforme boletim de ocorrência, a Guarda Civil Metropolitana fazia blitz na região, quando abordou o motorista de uma Ford Ranger, de cor prata. O suspeito, que apresentava sinais de embriaguez, se recusou a fazer o teste de alcoolemia e a entregar a chave do veículo para o procedimento de praxe.


O condutor, segundo registro policial, ainda durante a ocorrência, movimentou o carro colocando a vida dos agentes em risco e, na sequência, desceu alterado e xingando o agente de "vagabundo, com salário de passa fome”.


Ele foi preso em flagrante e autuado por dirigir sob efeito de álcool, desacato e infração de medida sanitária. O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Centro.