Porto Murtinho comemora 109 anos de emancipação - - CANAL MS

LEIA TAMBÉM

Campo Grande (MS),

Post Top Ad

domingo, 13 de junho de 2021

Porto Murtinho comemora 109 anos de emancipação -

 Palco de acontecimentos importantes do País, como a Guerra do Paraguai e a Revolução de 1932, Porto Murtinho comemora neste domingo (13) 109 anos de emancipação política. Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) sua população em 2020 era de de 17.298 pessoas.


Localizado a 443 quilômetro de Campo Grande, Porto Murtinho foi e levado à condição de cidade com a denominação de Porto Murtinho, pela Lei Estadual nº 962, de 12-07-1926.


A cidade nasceu da ambição do engenheiro Antônio Corrêa da Costa, que construiu um porto rústico de madeira na Fazenda Três Barras para exportar erva mate às margens do Rio Paraguai, a cerca de 50 quilômetros da foz do Rio Apa. Construção essa que logo atraiu olhares de comerciantes e empreenderes trazendo desenvolvimento local.


 Um dos pilares da economia de de Porto Murtinho é a agropecuária, além da exploração do quebracho (de onde se extrai o tanino). A cidade que passou por um período de prosperidade na época do ciclo da erva-mate, também tem sua riqueza mineral lastreada principalmente na cal de pedra. -O Morro Pão de Açúcar é um local de exuberante beleza natural, que agrega o turismo contemplativo, possui cerca de 550 metros de altura e possui trilha interpretativa até o topo do morro. O atrativo é um dos pontos mais altos da região, também tem a função de mirante, para a visualização do Pantanal do Nabileque, do Pantanal do Chaco, áreas limítrofes do Paraguai e do próprio município de Porto Murtinho.


O Fecho dos Morros é um dos pontos mais altos do Rio Paraguai, um local que atrai os visitantes pela pesca e pela vista panorâmica, além disso, podemos observar muitos animais silvestres e contemplar a beleza da fauna e flora pantaneiras.


O Morro Celina está localizado no descer do Rio Paraguai, na margem paraguaia. O lugar é atraente e interessante porque possui uma vista privilegiada. Quando avistamos o morro temos a impressão de que as pedras e rochas estão suspensas no ar. -A Fazenda Barranco Branco abriga o destacamento da 2ª Companhia de Fronteira do Comando Militar do Oeste, território do Exército Brasileiro. É uma fazenda histórica que foi ponto estratégico na defesa da fronteira brasileira durante a Guerra da Tríplice Aliança ou Guerra do Paraguai. Às margens do Rio Paraguai, hoje, ainda podemos encontrar as ruínas das construções antigas que insistem em resistir ao tempo, retratando um período importante da nossa história.


Um dos atrativos é Parque Municipal Cachoeira do Apa, onde passa o Rio Apa, que deságua no Rio Paraguai, na fronteira entre Brasil e Paraguai. Distante 80 km de Porto Murtinho, a Cachoeira do APA, está em uma área de proteção ambiental com 40 ha. O local oferece praia com areia ideal para banho, área para camping e realizações de trilhas ecológicas.


Cachoeiras do Rio Aquidaban localizada na Fazenda Baía das Garças é uma das mais antigas propriedades do Município. Distante 300 km, possui onze cachoeiras (com cinco, oito, dez e a última com centro e vinte metros de altura) uma das mais altas quedas da região, de onde se tem uma visão panorâmica da Serra e Planície pré-pantaneira, um visual deslumbrante. O passeio tem um percurso de 800 metros de trilha ao longo do Rio Aquidaban, onde, além do contato com a natureza, pode-se relaxar nas cristalinas águas das piscinas naturais. -