Solta para cuidar da filha, "Madrinha do PCC" é presa por comandar assaltos - - CANAL MS

LEIA TAMBÉM

Campo Grande (MS),

Post Top Ad

sábado, 26 de junho de 2021

Solta para cuidar da filha, "Madrinha do PCC" é presa por comandar assaltos -

 Especialista em roubo de veículos, Márcia Paschoala Espirito Santo, a “Madrinha do PCC”, voltou a ser presa, na noite de ontem (26), em Campo Grande, após envolvimento em pelo menos dois novos crimes. Detida em maio deste ano, após envolvimento no sequestro de caminhoneiro que teve veículo avaliado em R$ 135 mil roubado, Paschoala respondia pelo crime em prisão domiciliar e se aproveitava do benefício para comandar quadrilha. -A prisão da líder faccionária aconteceu após equipe do Batalhão de Choque da Polícia Militar localizar dois veículos roubados e prender um dos autores, identificado como Rafael Mendes, de 23 anos. Adolescente, que participou dos roubos ao lado de Rafael, a mando de Paschoala foi aprendo.onforme o Choque,  na noite desta sexta-feira, veículo Fiat Strada foi roubado pela dupla em trecho da Rua Francisco Alves Castelo, na Vila Piratininga. Os autores, que estavam de moto, abordaram a vítima, por volta das 20h, estando o garupa com capacete rosa.Com esta informação e as características dos autores, os policiais realizaram diligências por bairros da Capital, localizando o carro roubado na garagem de um residência no Bairro Jardim Colibri.


No local estava Rafael e o adolescente envolvido no roubo. Os dois confessaram o crime e ainda indicaram outro roubo, o de um veículo Fiat Toro, cometido na noite anterior. Na casa foram localizadas 16 munições, entre calibre 15, 38 e 7,62, três remuniciadores de revólver e cédulas de dinheiro.


Aos policiais, Rafael disse ainda onde a arma e moto usadas no crime estariam guardadas, no Bairro Santo Eugênio. Apesar de confessar a autoria, a dupla afirmou que a mandante dos roubos seria “Dona Márcia”, a “Madrinha do PCC”.


A mulher foi encontrada em sua casa, no Jardim Leblon. Segundos os envolvidos, todos os passos realizados por eles eram informados a mandante, quem também teria conseguido a arma e a moto.


Os dois presos, assim como o menor aprendido, foram levados à Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Cepol. Os carros foram levados para a Defurv (Delegacia Especializada de Roubos e Furtos). -Sequestro – Márcia Paschoala foi presa no dia 9 de maio, junto do primo dela, Gemerson Matheus, de 26 anos, e Edelson Padilha Conceição, de 36 anos. Este último foi o responsável por levar o caminhão roubado para a fronteira com a Bolívia. Ele foi pego em Miranda.


Todos foram capturados no mesmo dia, mas a mulher teve prisão domiciliar concedida, com monitoramento por tornozeleira eletrônica, em razão de ela estar amamentando a filha de dois anos. -