Piscicultura Intensiva com Tanques Elevados cresce em Mato Grosso do Sul - CANAL MS

LEIA TAMBÉM

Campo Grande (MS),

Post Top Ad

quinta-feira, 30 de setembro de 2021

Piscicultura Intensiva com Tanques Elevados cresce em Mato Grosso do Sul

Com o objetivo de identificar possibilidades de pesquisa em parceria que possam contribuir para o aprimoramento do sistema de produção de peixes de forma intensiva cultivada em Tanques Elevados, a Embrapa Agropecuária Oeste realizou nos últimos dias, duas visitas a propriedade rural de Jads Paulo Alves dos Santos, da dupla sertaneja Jads & Jadson. A primeira visita técnica aconteceu em 1º de setembro, com objetivo de conhecer o projeto. Na ocasião, estiveram presentes: o Chefe Geral da Embrapa Agropecuária Oeste, Harley Nonato de Oliveira; o Chefe Adjunto de Transferência de Tecnologia da Unidade, Auro Akio Otsubo e a pesquisadora Tarcila Souza De Castro Silva. Também participaram da visita os membros da equipe da Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro): Ariani Monaly e João Sotoya. A segunda visita aconteceu no dia 13 de setembro e foi organizada pela Câmara Setorial Consultiva da Piscicultura do Mato Grosso do Sul. Participaram da visita os membros do Comitê Técnico de Pesquisa e Inovação da Piscicultura da Câmara. Nessa ocasião, estiveram presentes representantes da: Embrapa Agropecuária Oeste, JJ Piscicultura, Semagro, UFMS, UEMS, UCDB, Projeto Pacu e Senar. Para o Chefe Geral da Embrapa Agropecuária Oeste, Harley Nonato de Oliveira, a visita foi muito importante, pois faz uma aproximação e interação da Embrapa com a iniciativa privada, escutando seus anseios, preocupações e dificuldades de forma que se vislumbrem ações que possam contribuir com avanços e ganhos nesse setor que vem crescendo cada vez mais em Mato Grosso do Sul. O Coordenador da Câmara Setorial Consultiva da Piscicultura do Mato Grosso do Sul, Simão Luiz Brun, explica que a visita do Comitê tem como objetivo contribuir com as questões relacionadas ao desenvolvimento científico, tecnológico e a inovação no setor de piscicultura estadual e destaca “oportunidades de trocas de experiências e visita como essa contribuem com avanços tecnológicos futuros para a manutenção e aumento da competitividade desse importante setor produtivo do agro no Estado”. A pesquisadora Tarcila participou das duas visitas. Ela conta que o sistema de produção da piscicultura adotado por Jads e sua esposa Marcela, para a criação de tilápia em tanques elevados apresenta muitas possibilidades de pesquisa, além de ser sustentável. E explica “podemos aplicar tecnologias para aprimorar os resultados da tilapicultura e contribuir ainda com a viabilização da criação de espécies nativas nesse sistema”. Para Jads, a participação da Embrapa como um parceiro de pesquisa na propriedade rural é fundamental para o desenvolvimento do negócio, trazendo mais conhecimento para o manejo e tecnologia na produção. Ele conta que a propriedade localizada em Campo Grande (MS), conta com 18 tanques em funcionamento e outros 18 tanques em processo de instalação. A produtividade anual é de 150 toneladas de tilápia. Jads acrescenta “nós também estamos trabalhando com a produção de peixes, desde a fase de alevinos a juvenil, que fornecemos para algumas empresas que trabalham com tanque escavado”. “Nosso sistema produtivo busca conservar os recursos naturais, pois evita o desperdício de água. Também investimos em energia solar. Assim, toda a nossa produção está sendo feita com muito respeito ao meio ambiente”, informa o músico. Jads acrescenta ainda que “se pudermos alavancar ainda mais esses resultados, de forma sustentável, contribuindo com informações para a pesquisa, por meio da participação da Embrapa e outras instituições, os esforços e investimentos ficam ainda mais justificados”. Christiane Congro Comas (Mtb-SC 00825/9 JP) Embrapa Agropecuária Oeste Contatos para a imprensa agropecuaria-oeste.imprensa@embrapa.br Telefone: (67) 3416-6884