Vendaval espalha rastro de destruição em MS - CANAL MS

LEIA TAMBÉM

Campo Grande (MS),

Post Top Ad

sexta-feira, 15 de outubro de 2021

Vendaval espalha rastro de destruição em MS

Uma tempestade de areia trazida por ventos de quase 100 quilômetros por hora deixou um rastro de destruição por todo o Mato Grosso do Sul. O temporal, que pegou todo mundo de surpresa, veio seguido de chuvas e queda de granizo em diversos bairros de Campo Grande, foi registrado em praticamente todos os municípios do Estado.Foram 4 mil imóveis afetados pela falta de energia, causando congestionamento em todas as linhas de comunicação da Energisa, que não tem previsão de quanto tempo vai levar para regularizar o fornecimento geral. Mato Grosso do Sul já vinham desde quarta-feira sendo duramente castigado por descargas elétricas calculadas em 1,1 milhão pela concessionária de energia, além de fortes chuvas e temporais com ventos.Queda de árvores, de energia, redução do abastecimento de água, além de prejuízos materiais fazem parte de uma contabilidade que o Estado vai demorar para fechar. Só em Campo Grande, antes do final da tarde o balanço indicava que pelo menos 150 árvores haviam caído sobre carros, casas e por ruas.Sem energia, os semáforos na Capital entraram em pane e o trânsito se transformou num caos generalizado. Só na Avenida Afonso Pena, uma das principais vias da cidade, quatro árvores interromperam o trânsito no sentido centro-bairro. Uma árvore gigantesca caiu sobre um veículo estacionado na Avenida Bandeirantes com uma jovem dentro que aguardava a mãe sair das compras. O Corpo de Bombeiros precisou ser acionado para fazer o resgate.A Prefeitura de Campo Grande disponibilizou o telefone 156 para atendimento das ocorrências. Em entrevista, o prefeito Marquinhos Trad classificou a tempestade como "o pior "temporal de 100 anos" na cidade.