Empresária sequestrada na fronteira é resgatada pelo GARRAS - CANAL MS

LEIA TAMBÉM

Campo Grande (MS),

Post Top Ad

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2022

Empresária sequestrada na fronteira é resgatada pelo GARRAS

Após ser sequestrada por volta das 9h deste sábado (5) em Ponta Porã, Célia Donizete de Moraes, de 56 anos, foi liberada na tarde de hoje e já está com os familiares. Os criminosos haviam pedido R$ 3 milhões pelo resgate, mas a polícia afirma que não foi realizado o pagamento. Delegado regional de Ponta Porã, Clemir Vieira, confirmou que Célia não está mais com os sequestradores. Sobre a dinâmica do caso, ele relatou apenas que ainda não há detalhes sobre como foi o processo de liberação da vítima, “é um caso complexo. O sequestro foi em Ponta Porã e ela foi levada ao Paraguai. Houve pedido de resgate em São Paulo, mas deu certo”. Sobre o estado de saúde da vítima, o secretário de segurança da cidade, Marcelino Nunes de Oliveira, relatou que Célia está bem e já em sua casa. “Ela está com sua família neste momento e isso é o mais importante de tudo”.Inicialmente, os sequestradores haviam pedido R$ 5 milhões para o resgate, mas diminuíram o valor para R$ 3 milhões. Uma mulher, que não teve o nome divulgado, fez o contato com a família e foi presa na noite de ontem. Também neste sábado foi encontrado e periciado um Volkswagen Gol cinza, utilizado para levar Célia. No momento do sequestro a vítima estava em uma caminhonete branca e foi abordada por homens armados. Ela é esposa do empresário brasileiro Jonas Pinheiro, proprietário de um comércio de materiais de construção. Toda a situação foi filmada por câmeras de segurança, que mostram dois homens saindo do veículo para abordar a vítima. No momento do sequestro ela estava chegando em uma das empresas da família.