Terra Gloriosa – Danças e músicas paraguaias são apresentadas em praça da capital - CANAL MS

LEIA TAMBÉM

Campo Grande (MS),

Post Top Ad

quinta-feira, 17 de março de 2022

Terra Gloriosa – Danças e músicas paraguaias são apresentadas em praça da capital

o dia 31 de março, a partir das 19 horas, acontece o evento “Terra Gloriosa – Alianças Culturais” que trará a arte paraguaia ao palco da praça do Rádio em Campo Grande (situada na Av. Afonso Pena, entre as Ruas Pedro Celestino e Padre João Crippa). A festividade é uma realização do Ecossistema Dakila, Núcleo Tapé Aviru Paraguai, juntamente com a Secretaria de Cultura e Turismo de Campo Grande (Sectur) e vai acontecer de forma gratuita à população. Grupos artísticos do Paraguai apresentarão performances de dança e música ressaltando a cultura e tradição da região que consequentemente é muito forte no estado de Mato Grosso do Sul. Larissa Kautzmann, coordenadora do Ecossistema Dakila, fala do enlace artístico-cultural e culinário que são predominantes entre as fronteiras.”Existem ligações bem populares entre o Paraguai e o nosso estado, é um intercâmbio cultural que se entrelaça formando justamente uma aliança”, aponta. A iniciativa de realizar o evento partiu do Ecossistema Dakila, que possui dois núcleos de pesquisas no Paraguai, um deles denominado Tapé Aviru onde em outubro do ano passado organizou uma grande excursão com apresentações artísticas e afirmou que levaria essa cultura para a capital sul-mato-grossense. “Diversos assuntos históricos, sociais, culturais, financeiros, entre outros, são pesquisados pelos núcleos. O resultado dessas pesquisas e parcerias estão sendo muito positivas, pois a cada ação conseguimos levar além do conhecimento, o fomento ao comércio e a cultura da região. Dia 31 será um grande evento, com dança, música, teremos alimentação à venda no local, estandes diversos e muito mais, tudo pensado para que as pessoas tenham um momento de alegria, diversão e bem-estar”, explica Kautzmann. Além das apresentações, haverá no local espaços para consumação de alimentos e bebidas, e estandes de parceiros como BDM Digital e 067 Vinhos que já confirmaram presença e vão realizar algumas promoções e sorteios durante o evento. Apresentações Para abrir a noite de festa, o grupo musical “Jaguaru Folk” trará um repertório de músicas no estilo polca e guarânia. Com menos de um ano de criação, os jovens músicos já participaram de vários programas televisivos paraguaios e se apresentaram nas cidades de Villa Elisa, Asunción, Luque, no Centro de Convenção CONMEBOL, Sapucái, Paraguarí, Itá, Yaguarón e Capiatá. Em seguida o grupo “Las Paraguayas” e o “Elenco Folklórico Municipal de Luque” sobem ao palco para apresentar um repertório de músicas e danças típicas. Criado em agosto de 2016, data que remete ao folclore paraguaio, Las Paraguayas levam as cores da bandeira e elementos como chapéu, jarros e telas nas apresentações. Durante esse tempo, já participaram de vários festivais pelo país levando uma proposta musical diferente. O Elenco Folklórico Municipal de Luque foi criado em maio de 2017 e conta, atualmente, com 25 jovens artistas que buscam fortalecer e manter vivo o folclore e a história do Paraguai através da dança. Para Juliet Sarai, coordenadora do núcleo Tapé Aviru Paraguai, a realização do evento em terras brasileiras mostra o quão unificadas são as culturas e as tradições. “Temos muitas ligações culturais, linguísticas e de história. É gratificante trazer para Campo Grande, através do grupo Tapé Aviru, os artistas paraguaios que por meio da dança e da música trarão o conhecimento, a frequência da alegria e com certeza uma noite inesquecível”. O espetáculo visa fortalecer o contexto sociocultural e a preservação dos costumes paraguaios que vem da origem indígena. “O que inspirou o desenvolvimento desse projeto é poder compartilhar a essência cultural do povo paraguaio que se espalhou para algumas regiões do Brasil. Através da manifestação artística também resgatamos a cultura indígena que é muito forte na nossa base patrimonial”, afirma Sarai. Corguinho O município de Corguinho e o distrito de Taboco também receberão a visita dos grupos artísticos paraguaios. A mostra de dança e música vai acontecer no dia 1º de abril, em Corguinho, na praça Limirio Cândido Vilela, a partir das 18h. E no dia 02 de abril o grupo segue à região do Taboco para se apresentar. O evento vai começar às 18h na Av. Pedro Balduíno – em frente a Escola Francisco Nogueira Sobrinho. ARTE E CULTURADAKILA PESQUISAS