Gaeco, Choque e Bope voltam às ruas contra o PCC - - CANAL MS

LEIA TAMBÉM

Campo Grande (MS),

Post Top Ad

segunda-feira, 18 de abril de 2022

Gaeco, Choque e Bope voltam às ruas contra o PCC -

Quase um mês depois de prender integrantes da “Sintonia dos Gravatas” e desvendar esquema de vazamento de informações sigilosas e troca de mensagens entre líderes do PCC (Primeiro Comando da Capital) por meio de advogados, o Gaeco (Grupo de Atuação Especial e Combate ao Crime Organizado) deflagrou nova operação que mira a facção criminosa.Operação “Sintonia”, desdobramento da Operação Courrier, cumpre 67 mandados de prisão e 35 de busca e apreensão, nas cidades de Campo Grande, Dourados, Amambai, Bela Vista, Corguinho, Maracajú, Naviraí, Nova Andradina e Rochedo. O Batalhão de Choque da Polícia Militar e o Bope (Batalhão de Operações Policiais Especial) também estão na missão. São 20 equipes das “tropas de elite” da PM nas ruas – 13 do Choque e 7 do Bope. Mandados de prisão já foram cumpridos e pelo menos uma arma de fogo apreendida, conforme apurado. Como de praxe, a operação foi mantida no máximo sigilo e policiais militares que dão apoio só foram informados quem eram os alvos e endereços dos mandados nesta segunda-feira, por volta das 5h.Conforme divulgado pelo Gaeco, as investigações preliminares chegaram às comunicações entre os integrantes do PCC que "mesmo do interior do sistema prisional e muitas vezes já condenados por integrarem organização criminosa, mantinham-se em sintonia com faccionados em liberdade, valendo-se do uso de comunicações telefônicas, a fim de autorizar, gerenciar, coordenar e praticar supostos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico, porte ilegal de arma de fogo, roubo, sequestros e homicídios em Mato Grosso do Sul".
-